skip to Main Content
Demandas Da Região Norte- Leste De Goiânia São Tratadas Em Reunião Na CMTC

Demandas da Região Norte- Leste de Goiânia são tratadas em reunião na CMTC

A agenda com os pedidos de melhoria em atendimentos do Transporte Público Coletivo para o Jardim Guanabara, Região Norte- leste de Goiânia, foram apresentados pelo vereador Eduardo Duarte Gomes (Brasil 35) ao presidente da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), Domingos Sávio Afonso, durante uma reunião na tarde desta quinta-feira (20). O vereador aproveitou a visita para conhecer melhor os serviços que a CMTC desenvolve e se colocar como parceiro para a realização de projetos em conjunto e que beneficiem comunidades. “Estamos todos na Câmara Municipal de Goiânia prontos a colaborar com pautas da cidade, queremos contribuir com o trabalho iniciado pelo prefeito Rogério Cruz e com as áreas que são essenciais”, afirmou Eduardo Duarte Gomes.

Entre as solicitações apresentadas pelo vereador a criação de uma nova linha ligando o Jardim Guanabara ao shopping Passeio das Águas com extensão ao Setor Campinas. “A gente sabe que criar uma linha necessita de um estudo de demanda e o meu pedido deve obedecer a essa exigência porque entendemos a necessidade dessa avaliação”, lembrou o vereador que citou a demora da linha 262 (Jardim Guanabara/Centro) com intervalos que ficaram longos. “Essa linha atende outros setores da região e a demora acabou sendo uma consequência disso”, completou.

O parlamentar também quis detalhes sobre a instalação e conserto de abrigos e foi informado que a CMTC segue a deliberação de número 84 da Câmara Deliberativa de Transportes Coletivos – CDTC- que passou essa responsabilidade aos municípios que integram a rede de transportes. “Realizamos esse trabalho em parceria com os municípios com o apoio de pastas de infraestrutura. Em Goiânia nossos parceiros atuantes são as pastas  Seinfra e a Comurg que têm feito um ótimo trabalho”, explicou Domingos Sávio Afonso.

Com relação aos pedidos feitos por meio de ofício pelo vereador, a CMTC informou que será feita uma pesquisa de demanda e de atendimento para que ações técnicas sejam implantadas. “Estamos sempre avaliando a operação do sistema de Goiânia e demais 17 municípios para que ajustes sejam feitos e a participação popular e de lideranças nos ajudam a mapear”, finalizou o presidente da CMTC.

Participaram da agenda o diretor de Fiscalização da CMTC, Cleiton Lemos; o chefe de Gabinete da CMTC, Olmo Xavier e a gerente Técnica, Flávia Xavier.

Bianca Benetti

Jornalista

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top